U L T I M A T O e P R E M O N I Ç Ã O👇✍️

Conduta leal e franca, assim:
1- solicitação de comparecimento entregue (prévio e preventivamente) no formato eletrônico ou impresso (papel) a mais de 2 CENTENAS de pessoas.
Eu espero CORRESPONDÊNCIA ao CONVITE do “REFLEXOS COTIDIANOS”, dia 12/09/2017 (Rua Paracatu, 271), pois, relação interpessoal significa reciprocidade e responsabilidade sócio-humanas, justifica existência de convivência (formações de convivas);
2 – certo de que não haverá perdão perante eventuais faltas injustificadas, ou seja, “anotadas ausências”, combinadas às providências cabíveis. 
Sem meias-palavras, e fé que não transformar-me-ei, obrigatoriamente, num ermitão (auto-excluido) em relação à parte do público-convidado (omisso).

Rogo  interseção Divina com graças salvadoras e eu não seja compelido (abrigado)  ao presente propósito de radicalização, e aproveito para explicar:
“ULTIMATO” (substantivo masculino) significa aviso de que a negociação e/ou relação diplomática sujeita-se à proposta final (última) e, acaso rejeição, acarretará, fatalmente, fim das conversações e, óbvio, ação direta de estrangulamento (interrupção), não necessariamente emprego de meio violento, ou seja, fim de entendimento urbano (civilizado) e social.

Experiência deste escritor, permite presumir e qualificar pessoas-convidadas em 2 GRUPOS: 

a) formado por pessoas que atenderiam (e atenderão) o chamamento acima independente propositura radical;

b) composto por gente insensível proposital, que prefere a dissimulação perante clara explicação aos seus olhos. 

Qual dos 2 GRUPOS tu pertences?
João S. Souza